Blog Rede Magic

Ansiedade de separação… do smartphone?!

Ansiedade de separação... do smartphone?!

Você já teve a sensação de ficar menos inteligente quando está longe do seu smartphone? De acordo com pesquisadores da Universidade do Missouri, esta não é apenas uma impressão.

O estudo “The Extended iSelf: The Impact of iPhone Separation on Cognition, Emotion, and Physiology”, publicado no Journal of Computer-Mediated Communication, mostrou que os proprietários de smartphones demonstram falta de concentração, alteração da pressão arterial e até aumento dos batimentos cardíacos quando estão longe de seus aparelhos. Os pesquisadores chegaram a sugerir que os usuários evitem se separar de seus dispositivos durante situações cotidianas que envolvam grande quantidade de atenção, já que isso pode resultar em um desempenho cognitivo mais pobre.

Russel Clayton, doutorando na Escola de Jornalismo da instituição e principal autor do estudo, declarou ao jornal O Globo que a pesquisa mostra que nos dias atuais os smartphones são uma extensão de nós mesmos, e que quando somos separados deles “experimentamos uma diminuição do ‘self’ e um estado fisiológico negativo”.

Os participantes da pesquisa foram submetidos a um teste simples, que demostrou que a incapacidade de atender a uma chamada causa alterações fisiológicas e psicológicas graves, como o aumento do sentimento de ansiedade e desconforto.

Usuários tiveram alterações fisiológicas e psicológicas graves

Como o teste foi realizado?

Para o estudo, os pesquisadores pediram que os usuários de iPhone se sentassem em uma cabine em um laboratório de psicologia da mídia, com o pretexto de que testassem a confiabilidade de um novo aparelho de medição de pressão arterial sem fio. Para tal, eles teriam que realizar um quebra-cabeça simples, como um caça palavras.

Para colher os dados de referência, os participantes, em posse de seus iPhones, foram convidados a entrar na cabine e realizar a tarefa. Neste momento, foram coletados os batimentos cardíacos e os níveis de pressão arterial, e, ao fim do teste, eles puderam relatar seus níveis de ansiedade e quão confortáveis ou desconfortáveis se sentiram.

Em seguida, os pesquisadores informaram que os telefones estavam interferindo no sinal do Bluetooth do aparelho testado e pediram para que eles os deixassem fora da cabine. Os participantes então foram convidados a realizar novamente o teste, e enquanto eles trabalhavam no quebra-cabeça, os observadores ligaram em seus telefones, e os impediram de atender. Neste momento, foram coletados novamente os dados fisiológicos e as declarações de como se sentiram durante o teste.

Os pesquisadores descobriram um aumento significativo da ansiedade, frequência cardíaca e pressão arterial dos participantes quando eles foram separados de seus aparelhos. Além disso, o número de palavras encontradas no quebra-cabeça caiu durante o segundo momento, demonstrando menor poder cognitivo dos usuários.

Você já se sentiu ansioso longe do seu smartphone?

Leia também: Qual o melhor smartphone para as crianças?

——————————————————————————————-

A Magic Web Design desenvolve, desde 1996, soluções completas para empresas de todo o Brasil nas áreas de internet e multimídia, com web sites, gerenciamento de mídias sociais, sistemas on-line, lojas virtuais (e-commerce), apresentações multimídia e diversos outros serviços.
https://www.redemagic.com/

Pin It

Comentários Facebook

3 Respostas para Ansiedade de separação… do smartphone?!

  1. Pingback: Smartphone do lado da cama? Nem pensar! - Magic Blog - Magic Blog

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*